sábado, 30 de junho de 2012

New World Order Exposed - John F. Kennedy April 27, 1961




"The very word "secrecy" is repugnant in a free and open society; and we are as a people inherently and historically opposed to secret societies, to secret oaths and to secret proceedings. We decided long ago that the dangers of excessive and unwarranted concealment of pertinent facts far outweighed the dangers which are cited to justify it. Even today, there is little value in opposing the threat of a closed society by imitating its arbitrary restrictions. Even today, there is little value in insuring the survival of our nation if our traditions do not survive with it. And there is very grave danger that an announced need for increased security will be seized upon by those anxious to expand its meaning to the very limits of official censorship and concealment. That I do not intend to permit to the extent that it's in my control. And no official of my Administration, whether his rank is high or low, civilian or military, should interpret my words here tonight as an excuse to censor the news, to stifle dissent, to cover up our mistakes or to withhold from the press and the public the facts they deserve to know."

"For we are opposed around the world by a monolithic and ruthless conspiracy that relies on covert means for expanding its sphere of influence--on infiltration instead of invasion, on subversion instead of elections, on intimidation instead of free choice, on guerrillas by night instead of armies by day. It is a system which has conscripted vast human and material resources into the building of a tightly knit, highly efficient machine that combines military, diplomatic, intelligence, economic, scientific and political operations. Its preparations are concealed, not published. Its mistakes are buried not headlined. Its dissenters are silenced, not praised. No expenditure is questioned, no rumor is printed, no secret is revealed."

"Without debate, without criticism, no Administration and no country can succeed-- and no republic can survive. That is why the Athenian lawmaker Solon decreed it a crime for any citizen to shrink from controversy. And that is why our press was protected by the First (emphasized) Amendment-- the only business in America specifically protected by the Constitution-- not primarily to amuse and entertain, not to emphasize the trivial and sentimental, not to simply "give the public what it wants"--but to inform, to arouse, to reflect, to state our dangers and our opportunities, to indicate our crises and our choices, to lead, mold educate and sometimes even anger public opinion.

This means greater coverage and analysis of international news-- for it is no longer far away and foreign but close at hand and local. It means greater attention to improved understanding of the news as well as improved transmission. And it means, finally, that government at all levels, must meet its obligation to provide you with the fullest possible information outside the narrowest limits of national security...

And so it is to the printing press--to the recorder of mans deeds, the keeper of his conscience, the courier of his news-- that we look for strength and assistance, confident that with your help man will be what he was born to be: free and independent."

Oliver Stone shows you in the movie JFK the group that killed the President and it's when they meet in the park by the Washington Memorial and when they ask, "who could have had the power to do all of this," and it pans back and the two men become minute dots on the little park bench and from the top to the bottom of the screen on the left hand side you see the whole monument the symbol, the obelisk of the real secret society above all the little free-masonic institutions outer portico at the bottom. The real boys. The real boys that are the establishment you see. That's who killed him.

This will be followed by a speech given by JFK at the Waldorf Astoria Hotel in New York on April 27, 1961. He gave this speech to the National News Publishers Association. It lasts about 19 minutes or so.You've always had it. They're still here today and that speech was the one that sealed his fate. That was the real reason -- the REAL REASON THAT HE WAS KILLED PUBLICLY. Publicly executed with craftiness as the High Masons say. It was done craftily out in the open as he drove into the sun and his head was right there.

Gestapo




National Defense Authorization Act (NDAA): 
The terrifying legislation that allows for Americans to be arrested, detained indefinitely, 
tortured and interrogated - without charge or trial.

sexta-feira, 29 de junho de 2012

"Karolo talks about surfing", by Kepa Acero



Um artista, um creativo, nunca acreditou no casamento e no amor, só em Deus e na Arte...Karolito LINDO:))))))

Incrível como ele entende tão bem o espírito do surf...
"um Mundo lindo, à parte,saudável, vivem e deixam viver, e fazem o que amam. Porque a Vida é mesmo isso!"

Conselho para a vida de Karolo: Ser feliz com pouco!!!! Tenta ser humilde, simples, bom...quanto menos tiveres melhor!
A felicidade é fazer o que se gosta!!!!!

"O ontem não volta, o hoje escapa-nos pelos dedos das mãos e o amanhã...quem sabe..."


OBRIGADÃO, Meu querido Babu!!!
Presente LINDO que me deste <3<3<3

terça-feira, 26 de junho de 2012

FAITH OF THE HEART




It´s been a long road, getting from there to here.

It´s been a long time, but my time is finally near.

And I can feel the change in the wind right now. Nothing´s in my way.

And they´re not gonna hold me down no more, no they´re not gonna hold me down.

Cause I´ve got faith of the heart.

I´m going where my heart will take me.

I´ve got faith to believe. I can do anything.

I´ve got strength of the soul. And no one´s gonna bend or break me.

I can reach any star. I´ve got faith, I´ve got faith, faith of the heart.

It´s been a long night. Trying to find my way.

Been through the darkness. Now I finally have my day.

And I will see my dream come alive at last. I will touch the sky.

And they´re not gonna hold me down no more, no they´re not gonna change my mind.

Cause I´ve got faith of the heart.

I´m going where my heart will take me.

I´ve got faith to believe. I can do anything.

I´ve got strength of the soul. And no one´s gonna bend or break me.

I can reach any star. I´ve got faith, faith of the heart.

I´ve known the wind so cold, and seen the darkest days.

But now the winds I feel, are only winds of change.

I´ve been through the fire and I´ve been through the rain.

But I´ll be fine.

Cause I´ve got faith of the heart.

I´m going where my heart will take me.

I´ve got faith to believe. I can do anything.

I´ve got strength of the soul. And no one´s gonna bend or break me.

I can reach any star. I´ve got faith.

I´ve got faith of the heart.

I´m going where my heart will take me.

I´ve got strength of the soul. And no one´s gonna bend or break me.

I can reach any star. I´ve got faith, I´ve got faith, faith of the heart.

It´s been a long road.


p.s. Esta música, apesar de ser broeira até dar dó, tem uma Letra que vale por Mil.
       Letra de Diane Warren, cantada por Russell Watson para a Banda Sonora de Star Trek Enterprise.

INDIO By Luis Alfonso Pazos Alegria





Autor. Luis Alfonso Pazos Alegria.
Musica: Fabian Ortiz
Quiero contarles una Historia . . . Esta poesia nace en el corazon de la selva de Amazonas en la esencia del espiritu de mi Amigo Luis Alfonso Pazos Alegria, un caminante sincero de la Vida y el Amor, conocedor de una Cultura Ancestral que guarda como tesoro la Sabiduria y el Conocimiento de las plantas Sagradas . . .

Para que Renasca la vida para que renasca el Amor

Aho Metacuye Oyasi

A Medicina Ancestral




De acordo com os ancestrais de diferentes partes de nosso mundo, nosso corpo sente e pensa. Por exemplo, no caso dos ancestrais das tribos australianas, quando uma pessoa se fere ou adoece, a tribo se reúne ao redor do enfermo e canta pedindo perdão à ferida ou parte afectada. E esta começa automaticamente a dar sinais de melhora e ocorrem curas milagrosas.

O mesmo ocorre nas assombrosas curas dos kahunas ou médicos magos havaianos. Eles entram em oração directa com a parte afectada pedindo-lhe perdão. Esse ato de oração envolve os magos, o paciente e todas as vidas durante as quais eles possam ter se encontrado e se envolvido com essa pessoa. E também ocorrem curas consideradas milagrosas.

No conhecimento ancestral Inca, tudo é reciprocidade, quando alguém adoece ou se enche de energia pesada ou “hucha”, por ter atitudes egoístas, não deixando fluir o “sami” ou energia leve. Por isso nas curas se pede para aquela parte do corpo se harmonizar com ‘pachamama’ permitindo que o bloqueio se reequilibre.E a pessoa se cura.

No caso dos Lakotas, na América do Norte, eles falam com o corpo para informar-lhe que existe uma medicina que vai curá-lo. E logicamente as pessoas se curam.
Como vemos, examinando alguns casos de medicina ancestral, chegamos a uma interessante conclusão: os ancestrais aceitavam as partes de nosso corpo como um ser completamente inteligente e autónomo do cérebro. Isso durante os últimos séculos passou a ser considerado como fraude ou superstição. Mas vejamos agora as descobertas mais recentes da ciência. Você vai ficar estupefacta (o).

A sabedoria do corpo é um bom ponto de acesso às dimensões ocultas da vida: é totalmente invisível, mas inegável. Os investigadores médicos começaram a aceitar este fato em meados dos anos oitenta. Anteriormente se considerava que a capacidade da inteligência era exclusiva do cérebro. Então foram descobertos indícios de inteligência no sistema imune e, logo a seguir, no digestivo.

A INTELIGÊNCIA DO SISTEMA IMUNE
A Dra. Bert descobriu (e logo outros cientistas confirmaram), que existem tipos de receptores inteligentes não só nas células cerebrais, mas em todas as células, de todas partes do corpo (chamaram inicialmente de neuropeptídios). Quando começaram a observar as células do sistema imunológico, por exemplo, as que protegem contra o câncer, contra as infecções, etc., encontraram receptores dos mesmos tipos que os do cérebro. Em outras palavras, suas células imunológicas, as que o protegem do câncer e das infecções, estão literalmente vigiando cada um dos seus pensamentos, cada emoção, cada conceito que você emite, cada desejo que tem. Cada pequena célula T e B do sistema imunológico produz as mesmas substâncias químicas produzidas pelo cérebro quando pensa. Isto torna tudo muito interessante, porque agora podemos dizer que as células imunológicas são pensantes. Não são tão elaboradas como as células cerebrais, que podem pensar em português, inglês ou espanhol. Mas sim, elas pensam, sentem, se emocionam, desejam, se alegram, se entristecem, etc. E isto é a causa de enfermidades, de stress,câncer, etc. Quando você se deprime entram em greve e deixam passar os vírus que se instalam em seu corpo.

A INTELIGÊNCIA DO SISTEMA DIGESTIVO.
Há dez anos parecia absurdo falar de inteligência nos intestinos. Sabia-se que o revestimento do trato digestivo possui milhares de terminações nervosas, mas que eram consideradas simples extensões do sistema nervoso, um meio para manter a insossa tarefa de extrair substâncias nutritivas do alimento. Hoje sabemos que, depois de tudo, os intestinos não são tão insossos. Estas células nervosas que se estendem pelo trato digestivo formam um fino sistema que reage a acontecimentos externos: um comentário perturbador no trabalho, um perigo iminente, a morte de um familiar. As reacções do estômago são tão confiáveis como os pensamentos do cérebro, e igualmente complicadas.

A INTELIGÊNCIA DO FÍGADO
As células do cólon, fígado e estômago também pensam, só que não com a linguagem verbal do cérebro. O que chamamos “reacção visceral” é apenas um indício da complexa inteligência destes milhares de milhões de células. Em uma revolução médica radical, os cientistas acessaram uma dimensão oculta que ninguém suspeitava: as células nos superaram em inteligência durante milhões de anos.

A INTELIGÊNCIA DO CORAÇÃO
Muitos acreditam que a consciência se origina unicamente no cérebro. Recentes investigações científicas sugerem, de fato, que a consciência emerge do cérebro e do corpo actuando juntos. Uma crescente evidência sugere que o coração tem um papel particularmente significativo neste processo. Muito mais que uma simples bomba, como alguma vez se acreditou, o coração é reconhecido actualmente pelos cientistas como um sistema altamente complexo, com seu próprio e funcional “cérebro”. Ou seja, o coração tem um cérebro ou inteligência. Segundo novas investigações no campo da Neurocardiologia, o coração é um órgão sensorial e um sofisticado centro para receber e processar informação. O sistema nervoso dentro do coração (ou o “cérebro do coração”) o habilita a aprender, recordar e tomar decisões funcionais independentemente do córtex cerebral. Além da extensa rede de comunicação nervosa que conecta o coração com o cérebro e com o resto do corpo, o coração transmite informação ao cérebro e ao corpo, interagindo através de um campo eléctrico.

E LEIA ISTO…
O coração gera o mais poderoso e mais extenso campo eléctrico do corpo. Comparado com o produzido pelo cérebro, o componente eléctrico do campo do coração é algo assim como 60 vezes maior em amplitude, e penetra em cada célula do corpo. O componente magnético é aproximadamente 5000 vezes mais forte que o campo magnético do cérebro e pode ser detectado a vários pés de distância do corpo com magnetometros sensíveis.

RECOMENDAÇÕES:
As investigações do Instituto HeartMath sugerem que respirar com Atitude, é uma ferramenta que ajuda a sincronizar seu coração, mente e corpo para dar-lhe uma coerência psicofisiológica mais poderosa. Ao usar esta técnica regularmente – experimente-a cinco vezes ao dia - você desenvolverá a habilidade para realizar uma mudança de atitude durável. Respirando com Atitude, você coloca o foco em seu coração e no plexo solar, enquanto respira com uma atitude positiva. O coração automaticamente harmonizará a energia entre o coração, a mente e o corpo, incrementando a consciência e a clareza.

A Técnica de Respirar com Atitude

1. Coloque o foco em seu coração enquanto inala. Enquanto exala coloque o foco no plexo solar. O plexo solar se encontra umas quatro polegadas debaixo do coração, justamente debaixo do esterno onde os lados direito e esquerdo da caixa torácica se juntam.

2. Pratique inalar através do coração e exalar através da caixa torácica durante 30 segundos ou mais para ajudar a ancorar sua atenção e sua energia ali. Depois escolha alguma atitude ou pensamento positivo para inalar ou exalar durante esses 30 segundos ou mais. Por exemplo, você pode inalar uma atitude de estima e exalar uma de atenção.

3. Seleccione atitudes para respirar que lhe ajudem a compensar as emoções negativas e de desequilíbrio relacionadas com as situações pelas quais você está passando. Respire profundamente com a intenção de dirigir-se ao sentimento relacionado a essa atitude. Por exemplo, você pode inalar uma atitude de equilíbrio e exalar uma atitude de misericórdia, ou pode exalar uma atitude de amor e exalar uma atitude de compaixão.

4. Pratique diferentes combinações de atitudes que você queira desenvolver. Pode dizer em voz alta: “Respiro Sinceridade, Respiro Coragem, Respiro Tranquilidade, Respiro Gratidão” ou qualquer atitude ou sentimento que você queira ou necessite. Inclusive, se você não sente a mudança de atitude a princípio, mesmo fazendo um esforço genuíno para mudar, ao menos lhe ajudará a alcançar um estado neutro, no qual você terá mais objectividade e poupará energia.

Jorge Carmona

10 "mandamentos" de Osho




Em 1970 perguntaram a Osho pelos seus dez mandamentos.
Esta foi sua resposta:

"Você pergunta pelos meus dez mandamentos. Isso é muito difícil, porque eu sou contra qualquer tipo de mandamento. Todavia, só pela brincadeira, eu estabeleço o que se segue:
...
1 - Não obedeça a ordens, exceto àquelas que venham de dentro.
2 - O único Deus é a própria vida.
3 - A verdade está dentro, não a procure em nenhum outro lugar.
4 - O amor é a oração.
5 - O vazio é a porta para a verdade, é o meio, o fim e a realização.
6 - A vida é aqui e agora.
7 - Viva completamente acordado.
8 - Não nade, flutue.
9 - Morra a cada momento para que você possa se renovar a cada momento.
10 - Pare de buscar. O que é, é: pare e veja."

Osho
in, "A Cup of Tea"

segunda-feira, 25 de junho de 2012

THINK for yourself. Question Everything. Anonymous raising awareness.



❝A wise man makes his own decisions, an ignorant man follows public opinion.❞

~Chinese Proverb

living in a body of death



“You exist in time, but you belong to eternity.
You are a penetration of eternity into the world of time.
You are deathless, living in a body of death.
Your consciousness knows no death, no birth. It is only your body that is born and dies.
But you are not aware of your consciousness.
You are not conscious of your consciousness, and that is the whole art of meditation;
Becoming conscious of consciousness itself.”

Osho

Be anything



❝Ordinary riches can be stolen; real riches cannot. 
In your soul are infinitely precious things that cannot be taken from you.❞

Oscar Wilde

domingo, 24 de junho de 2012

a Jigsaw - The Strangest Friend (Official Video)



Ao longo de um EP e três álbuns, os a Jigsaw partiram da folk, do blues e do rock alternativo e construíram um percurso que os tem levado a estradas portuguesas, europeias e norte-americanas - sejam elas físicas ou virtuais.

Este, "Drunken Sailors & Happy Pirates" (2011), o seu terceiro disco, reeditado recentemente. "É um álbum conceptual e o conceito é a construção da identidade, a construção do indivíduo - basicamente, como se chega a ser o que se é.

projeto de João Rui( vocalista), Jorri e Susana Ribeiro

limite do teu amor



“Cada persona que encontramos en nuestro camino es una oportunidad de aprender. 
Si hay alguien en tu vida con quien te es más difícil relacionarte, míralo como tu maestro, 
porque es quien te muestra el límite de tu amor, hasta dónde eres capaz de amar a alguien.” 

Walter Riso

Would you like you, if you met you?



Nobody knows and understands what works best to help your consciousness better than you!
Be creative, choose an activity that you enjoy that renews your sense of well being and resonates congruently with your soul.

..não sabe se te ama...



"Si alguien te dice que "te quiere" pero no sabe si "te ama", 
lo mas probable es que no te ame lo suficiente, así que no pierdas el tiempo"

Walter Riso

Demorei um ano a aprender a lição...Burra!

sábado, 23 de junho de 2012

Gosto


"Gosto de gente que me aceita, que me atura, que não reclama de mim, ou que reclama mas continua. Gosto de gente que aceita falar de qualquer assunto, que não é fresca, gente que se sente bem ao meu lado.
Gosto de gente que não me faz perguntar se estou a incomodar, se preciso sair.
Gosto de gente que eu não preciso chamar para vir, que eu não preciso dizer para ela ler no meu olhar.
Gosto de quem está comigo por ser quem eu sou, de quem me ouve por horas e mesmo assim não se cansa de dar o ombro para eu me apoiar.
E gosto, acima de tudo, de gente que permanece."

Desconhecido

No importa




No importa que te amen o te critiquen, te respeten, 
te honren o te difamen, que te coronen o te crucifiquen; 
porque la mayor bendición que hay en la existencia es ser tú mismo.

Osho

sexta-feira, 22 de junho de 2012

Primeiro a tua mão sobre o meu seio.



Primeiro a tua mão sobre o meu seio.
Depois o pé - o meu - sobre o teu pé.
Logo o roçar urgente do joelho
e o ventre mais à frente na maré.

É a onda do ombro que se instala.
É a linha do dorso que se inscreve.
A mão agora impõe, já não embala
mas o beijo é carícia, de tão leve.

O corpo roda: quer mais pele, mais quente.
A boca exige: quer mais sal, mais morno.
Já não há gesto que se não invente,
ímpeto que não ache um abandono.

Então já a maré subiu de vez.
É todo o mar que inunda a nossa cama.
Afogados de amor e de nudez
Somos a maré alta de quem ama

Por fim o sono calmo, que não é
Senão ternura, intimidade, enleio:
O meu pé descansando no teu pé,
A tua mão dormindo no meu seio.


ROSA LOBATO FARIA
in, CEM POEMAS PORTUGUESES NO FEMININO

La vida y el amor





La desesperada necesidad de aprobación siempre esconde una muy baja autoestima, la cual se intenta compensar, mostrando claves de atractibilidad. La aceptación afectiva, para las personas que sustentan este estilo, es cuestión de vida o muerte. Es el aire que los mantiene vivos.

Cuando seleccionamos pareja, no sólo elegimos el o la amante, también elegimos un amigo en potencia, la philia de la alegre coincidencia.

Hay que aprender a perder, sobre todo en el amor. Es preferible retirarse a tiempo cuando las opciones son pocas, renunciar, para evitar un sufrimiento peor más adelante.

Cuando el amor toque a la puerta, entrará como una tromba: no podrás dejar fuera lo malo y recibir sólo lo bueno. Si piensas que amar es igual a felicidad, equivocaste el camino.

Cuando una persona está enamorada lo sabe, lo siente, lo vive en cada pulsación, porque el organismo se encarga de avisarle. El amor llega como un huracán que rompe todo a su paso.

La sumisión niega el amor porque no lo deja fluir, lo aniquila traicioneramente en nombre de la entrega total. Si te niegas el placer de recibir dignamente amor, te condenas al oscuro mundo del estoicismo.

La dependencia es la peor enemiga del amor. 

Cuando decimos que el apego corrompe queremos significar que me identifico con alguien o algo, de tal manera que no puedo vivir sin lo otro, que mi felicidad depende de algo ajeno a mi a lo cual "pertenezco". No puedes poseer lo que amas, solo disfrutarlo. De ahí que depender es esclavitud, es doblegar los principios y "ser del otro". Amar es ser libre psicológica y emocionalmente; sin amos.

La autoestima es un requisito imprescindible del amor de pareja. Piensa: ¿Podrías amar a alguien que se odiara a sí mismo, que sólo buscara agradarte las 24 horas, qué no tuviera mas aspiración que sangrar por tu herida? ! qué pesadilla!

En un amor inteligente y maduro, básicamente ético, la responsabilidad asumida libremente pesa mucho mas que el deber tajante, el querer amar, más que el deber amar.

¿De qué sirve tanto amor, si ese amor te limita y apabulla? Así no haya mala intención (supongamos), así no haya golpes o patadas, el aburrimiento y el maltrato psicológico pueden destruir cualquier relación. Perderse en un amor que pretende justificarse a sí mismo, que no necesita de ninguna virtud adicional, porque supuestamente ya las tiene todas, no deja de ser un despropósito.

Amar sanamente es enredar dos egos con erotismo y ternura, sabiendo, por las dudas, como se desata el nudo. Si no lo sabes, ya te perdiste en el otro, y aunque estés aparentemente feliz, habrás dejado de ser tu.

No hay nada mas hipersensible que el amor, nada más arrebatador, nada más vital. Renunciar a él es vivir menos o no vivir.

Hay que aprender a perder, sobre todo en el amor. Es preferible retirarse a tiempo cuando las opciones son pocas, renunciar, para evitar un sufrimiento peor más adelante.

Hay que empezar a conjugar de manera distinta el verbo amar; el yo te amo . Yo cambiaría eso por el gerundio "te estoy amando"; porque te estoy amando significa que estoy construyendo todo un proceso continuo de inventar y reinventar lo que siento por vos, y lo que sentís por mí. El amor es construcción pura, en estado puro. 

Cuando traspasas los límites del amor y te metes en terreno de la humillación, ya no es amor: es esclavitud, es adicción.

El amor sin una pizca de razón es una estupidez.

Si se desea acabar realmente con el sufrimiento de una relación enfermiza (que nos hace daño) y no recaer en el intento, la extirpación debe ser radical. No se pueden dejar metástasis. La ruptura debe ser total y definitiva.

No necesito poseer para amar. No quiero ser el dueño de quien amo (¡que horror!). No quiero conquistar ni tomar: amar no es un acto de guerra. Decir es "mío" o "mía" es cosificar al otro, como si el amor fuera una cuestión de compra y venta. No te poseo, te disfruto mientras andas rondando por mi vida; y eso es mucho.

Walter Riso

quinta-feira, 21 de junho de 2012

...não sabe...





Fico admirado quando alguém, por acaso e quase sempre
sem motivo, me diz que não sabe o que é o amor.
eu sei exactamente o que é o amor. O amor é saber
que existe uma parte de nós que deixou de nos pertencer.
o amor é saber que vamos perdoar tudo a essa parte
de nós que não é nossa. o amor é sermos fracos.
o amor é ter medo e querer morrer.


José Luís Peixoto




E de novo a armadilha dos abraços




E de novo a armadilha dos abraços.
E de novo o enredo das delícias.
O rouco da garganta, os pés descalços
a pele alucinada de carícias.
As preces, os segredos, as risadas
no altar esplendoroso das ofertas.
De novo beijo a beijo as madrugadas
de novo seio a seio as descobertas.
Alcandorada no teu corpo imenso
teço um colar de gritos e silêncios
a ecoar no som dos precipícios.
E tudo o que me dás eu te devolvo.
E fazemos de novo, sempre novo
o amor total dos deuses e dos bichos.

Rosa Lobato Faria

domingo, 17 de junho de 2012

The Magic Forest of the Mind


The concept of happiness is very different from person to person and even though there are things and feelings that may be common, the joys of some can be a nightmare for others, so the climber is happy risking his life to beat the mountain while a normal person would feel panic about being exposed to these risks.
Some people are happy leading a quiet and safe life while others die of boredom if not in your life changes, developments and strong excitations.
Happiness depends more on what happens inside us that what happens outside, of the ideas we have about ourselves and about life.
Depends on all the mysteries that live in the Magic Forest of Your Mind.
Within your mind you have everything. The sun and moon, mountains and valleys. The colors of dawn and the shadows of the night. The joy of the waterfalls and the thick fog that permeates the soul of infinite nostalgia.
Inside your mind is the hand that caresses your skin and you miss so much.
If you look inside your mind will always find reasons to be happy and to remain in sorrow.
Because your happiness depends on what you do nor what you have.
It depends on how it is your body and you have more or less gifts. Just depends on how comfortable you are with what you do with what you have, with your body and your gifts.
Basically, happiness depends on you really want to be happy and look so at ease with yourself and to feel all the Love of Life that has allowed you to exist.


Nathaniel Hawthorne

Um grito no palácio dos sussurros


"...As mulheres dão. Não vem no dicionário mas devia vir.
Uma mulher dá à luz ou dá a vida, dá a honra ou dá a virgindade.
A mulher dá educação e mimo. A mulher dá calor, entendimento e um inesgotável amor, a mulher dá o seu pão para que os outros não tenham fome. Dá o tempo e uma mão fria na testa para que passe a febre, o sono em troca da certeza do descanso alheio.
São as mulheres que alimentam os vivos e lavam os mortos.
Conhecem alguma mulher que retire para si o melhor bife, a maior fatia de bolo? Não há.
Quando uma mulher faz uma birra ela acaba rápido porque nas costas dela assenta a felicidade do mundo que é coisa para não se comprometer.
A natureza é tão homem que até nos deu um corpo capaz de alimentar... Não podemos fugir de quem precisa de nós. Damos leite, nutrimos. E levamos essa merda dessa premissa pela estrada inteira.
São as mulheres as maiores vítimas de engodo porque acreditam na humanidade, pois se foram elas a parirem-na? É natural.
Uma mulher que engana é puta porque isso não está no roll paper. Normal, é ser a enganada.
Não há filme ou romance que fale de uma mulher com várias famílias e já no género contrário é um cliché (honrosa excepção à D. Flor do Jorge Amado, mas essa tinha um deles morto que embora não seja problema fácil de gerir não é propriamente a mesma coisa), nessas histórias é sempre o homem que se divide entre cidades e mulheres e filhos e vidas e isso tem uma explicação simples: Uma mulher entrega-se tanto que não existiria hipótese metafísica para o fazer a dobrar. Só se uma fossem duas. Não é possível.
Damos tudo. Até a história da nossa vida em troca do nome do outro.
O limite da anulação.
Há muito menos mulheres presas por homicídio passional .
São menos os casos de violência doméstica perpetuados por mulheres.
Ou de pedofilia.
Nós não somos assim e ponto final sem dois primos apensos a criar dúvida.
Por mais que estudemos, sejamos infinitamente eficazes profissionalmente ou com desvelo aumentarmos a nossa erudição, seremos sempre a mulher de soldado ou de pescador que aguenta a solidão, a fome, a luta inteira sozinha e no fim abre as pernas para se completar.
É essa a nossa minha condição.
Mas também é verdade que ninguém pode esvaziar-se de si em troca de nada.
São muitos exames de fim de semestre, muitos ordenados em atraso, muitas birras, muitas ausências, muitas pequenas e desconcertantes coisas que desafiam a minha força. Muito medo de me perder de mim mesma.
Muitas as vezes que o carro não pega e que durmo sem uma palavra de alento.
Muitas as vezes em que o que mostra entender é coisa fraca comparada ao que entendem dela. Às suas necessidades.
Ser mulher é antever as dores dos outros de camarote e descer sem medo de cair para salvar. Ser mulher é dar por mal empregue o tempo em que se dorme porque é tempo em que não se cuida.
Dar, dar, dar. Com medo de pedir não vão os outros melindrar-se. De porta de dentro trancada.
Olha, escancarei-a e saí a gritar e quero lá saber se algum dia irão à minha procura.
-Mas vais sozinha?
-Vou. Afinal foi sempre assim que andei."

Patrícia Motta Veiga

Não há que ter medo...





"Todo o crescimento causará grandes distúrbios que conduzem a uma transformação imensurável. Não há que ter medo de perder o equilíbrio temporariamente quando o movimento de crescimento holístico se põe em marcha pelo vosso questionar.
Quando ocorre uma investigação genuína sobre o que é a verdade, sobre o significado da vida, põe-se em marcha um processo de transformação.
O questionar é o princípio da compreensão.
Toda a investigação, toda a exploração, se é genuína e honesta, mudará com certeza o “status quo” interior, transformando a natureza da vossa relação com a família, os amigos, a sociedade."

VIMALA THAKAR

David Icke in Melbourne full dvd part 1/3




Este homem merece toda a atenção!!!!!!

DAVID ICKE - Cale a Boca! Você não quer saber disto!!





Bruno Mars - Marry You (Official Music Video)



Video oficial...não sei se é, se não...:(

Isaac's Live Lip-Dub Proposal




On Wednesday, May 23rd, 2012, I told my girlfriend to meet me at my parent's house for dinner. When she arrived I had stationed my brother to sit her in the back of an open Honda CRV and give her some headphones. He "wanted to play her a song"...

What she got instead was the world's first Live Lip-Dub Proposal.

sexta-feira, 15 de junho de 2012

...negociação...





Guerreiro da Luz - Acreditando em negociação

Um guerreiro da luz nem sempre pode escolher o seu campo de batalha. Às vezes é colhido de surpresa, no meio de combates que não desejava; mas não adianta fugir, porque estes combates o seguirão.

Então, no momento em que o conflito é quase inevitável, o guerreiro conversa com seu adversário. Sem demonstrar medo ou covardia, procura saber porque o outro quer a luta; que coisas o fizeram sair de sua aldeia e procurá-lo para um duelo. Sem desembainhar a espada, o guerreiro o convence que aquele combate não é seu.

Um guerreiro da luz escuta o que seu adversário tem a dizer. E só luta se for necessário.

Mas, se não tiver outra alternativa, ele não pensa em vitória ou derrota: leva o combate até o final."

Paulo Coelho

...perseverança...



Guerreiro da Luz - Acreditando na perseverança

O guerreiro da luz nunca esquece o velho ditado: o bom cabrito não berra.

As injustiças acontecem. Também ele de repente se vê envolvido em situações que não merecia, em momentos que não tem condições de se defender.

Nestas horas, o guerreiro fica em silêncio. Não gasta energia em palavras, porque elas não podem fazer nada; é melhor usar as forças para resistir, ter paciência, e saber que Alguém está olhando. Alguém que viu o sofrimento injusto, e não se conforma com isto.

Este Alguém dá ao guerreiro o que ele mais precisa: tempo. Cedo ou tarde, tudo voltará a tabalhar a seu favor.

Um guerreiro da luz é sábio; Não comenta suas derrotas.

Paulo Coelho

Um hino Celta ao Amor


Que o caminho venha ao teu encontro…
Que o vento sopre sempre nas tuas costas…
E a chuva caia suave sobre os teus campos.
E até que nos voltemos a encontrar,
Que o Futuro te sorria constantemente.
E que possas viver sempre plenamente.
Que vivas o tempo todo que quiseres…
Esquece as coisas que te entristeceram,
Porém nunca esqueças aquelas que te alegraram.
Esquece os amigos que se revelaram falsos,
Porém nunca esqueças aqueles que te permaneceram fiéis.
Esquece os problemas que já foram solucionados,
Porém nunca esqueças as coisas boas de cada dia.
Que o dia mais triste do teu futuro…
Não seja pior que o dia mais feliz do teu passado.
Que o teto nunca caia sobre ti…
E que os amigos reunidos debaixo dele nunca partam.
Que tenhas palavras calorosas num anoitecer frio,
Uma lua cheia numa noite escura,
E que o caminho se abra sempre à tua frente.
Que vivas cem anos, com um ano extra para te arrepender.
Que o Futuro te guarde nas suas “mãos”,
E não aperte muito os dedos.
Que teus vizinhos te respeitem,
Os problemas te abandonem,
Os teus amigos te acompanhem,
E a saúde não te falte.
E que a sorte das colinas Celtas te abrace…
Que nunca te arrependas de ter nascido…
Que a tua consciência seja leve,
E o teu coração pesado de amizades e amor.
Que vivas em paz!!!




NUNCA DESISTIR




A vida me ensinou a nunca desistir
Nem ganhar, nem perder mas procurar evoluir

Podem me tirar tudo que tenho
Só não podem me tirar as coisas boas que eu já vivi
os meus melhores momentos,
pessoas que vão estar para sempre aqui dentro de mim,
experiencias que me fizeram ser mais forte,

A vida me ensinou que ela é passageira, e que devo aproveita-la o máximo,
que o melhor da vida é ter motivos para poder sorrir,
que não devo criticar, apenas respeitar a opinião de todos,
que sonhar nem sempre é a melhor maneira,
que a realidade é para ser encarada mesmo que seja dura,
que devo amar a todos, mas...que existem várias formas de amar,

A vida me ensinou que nada é para sempre, por isso vivo intensamente cada momento da minha vida como se fosse o único,

" ASSIM" a vida continua me ensinando...


Charlie Brown Jr

Aspartame - Sweet Misery, A Poisoned World! Full Length

quinta-feira, 14 de junho de 2012

Partly Cloudy :)




Brilhante!!!!!
Pixar...
Alguém tem de fazer o trabalho duro...

Obrigada, Pedro Lima de Carvalho!!
Foi um bom dar e receber...
Eu ofereci-te "Monster"
e tu ofereceste-me "Pixar"

Monster Television Commercial: Stork



Algumas vezes a propaganda também está ao serviço da consciência...
Que possamos todos realizar o nosso potencial! :)

Medo da liberdade




"As pessoas têm medo da liberdade e temem conhecer a vida mais profundamente. 
As pessoas têm medo de amar, têm medo de ser. 
Viveram muito tempo na escuridão, agora temem a luz – com medo, 
elas não são capazes de abrir os olhos; 
com medo, elas estão ofuscadas, seus olhos quase destruídos; 
com medo, porque suas vidas na escuridão tornaram-se rotinas estabelecidas. 
É seguro. Por que arriscar? 
Por que ir para o desconhecido e inexplorado?" 

Osho

quarta-feira, 13 de junho de 2012

Dia de Merda





"Aeroporto Santos Dumont , 15:30..

Senti um pequeno mal-estar causado por uma cólica intestinal, mas nada que uma urinada ou uma barrigada não aliviasse.

Mas,atrasado para chegar ao ônibus que me levaria para o Galeão, de onde partiria o vôo para Miami, resolvi segurar as pontas. Afinal de contas são só uns 15 minutos de busão. 'Chegando lá, tenho tempo de sobra para dar aquela mijadinha esperta, tranqüilo, o avião só sairía às 16:30'.

Entrando no ônibus, sem sanitários. Senti a primeira contração e tomei consciência de que minha gravidez fecal chegara ao nono mês e que faria um parto de cócoras assim que entrasse no banheiro do aeroporto.

Virei para o meu amigo que me acompanhava e, sutil falei:

'Cara, mal posso esperar para chegar na merda do aeroporto porque preciso largar um barro.'

'Nesse momento, senti um urubu beliscando minha cueca, mas botei a força de vontade para trabalhar e segurei a onda.'

O ônibus nem tinha começado a andar quando, para meu desespero, uma voz disse pelo alto falante: 'Senhoras e senhores, nossa viagem entre os dois aeroportos levará em torno de 1 hora, devido a obras na pista.

'Aí o urubu ficou maluco querendo sair a qualquer custo'. Fiz um esforço hercúleo para segurar o trem merda que estava para chegar na estação ânus a qualquer momento. Suava em bicas. Meu amigo percebeu e, como bom amigo que era, aproveitou para tirar um sarro.

O alívio provisório veio em forma de bolhas estomacais, indicando que pelo menos por enquanto as coisas tinham se acomodado. Tentava me distrair vendo TV, mas só conseguia pensar em um banheiro, não com uma privada , mas com um vaso sanitário tão branco e tão limpo que alguém poderia botar seu almoço nele. E o papel higiênico então: branco e macio, com textura e perfume e, ops, senti um volume almofadado entre meu traseiro e o assento do ônibus e percebi, consternado, que havia cagado. Um cocô sólido e comprido daqueles que dão orgulho de pai ao seu autor.

Daqueles que dá vontade de ligar pros amigos e parentes e convidá-los a apreciar na privada.

Tão perfeita obra, dava pra expor em uma bienal.

Mas sem dúvida, a situação tava tensa. Olhei para o meu amigo, procurando um pouco de piedade, e confessei sério:

'Cara, caguei!'

Quando meu amigo parou de rir, uns cinco minutos depois, aconselhou-me a relaxar, pois agora estava tudo sob controle.

'Que se dane, me limpo no aeroporto', pensei.

'Pior que isso não fico'.

Mal o ônibus entrou em movimento, a cólica recomeçou forte.
Arregalei os olhos, segurei-me na cadeira mas não pude evitar, e sem muita cerimônia ou anunciação, veio a segunda leva de merda. Desta vez, como uma pasta morna. Foi merda para tudo que é lado, borrando, esquentando e melando a bunda, cueca, barra da camisa, pernas, panturrilha, calças, meias e pés.

E mais uma cólica anunciando mais merda, agora líqüida, das que queimam o fiofó do freguês ao sair rumo a liberdade. E depois um peido tipo bufa, que eu nem tentei segurar. Afinal de contas, o que era um peidinho para quem já estava todo cagado....

Já o peido seguinte, foi do tipo que pesa. E me caguei pela quarta vez. Lembrei de um amigo que certa vez estava com tanta caganeira que resolveu botar modess na cueca, mas colocou as linhas adesivas viradas para cima e quando foi tirá-lo levou metade dos pêlos do rabo junto. Mas era tarde demais para tal artifício absorvente. Tinha menstruado tanta merda que nem uma bomba de cisterna poderia me ajudar a limpar a sujeirada.

Finalmente cheguei ao aeroporto e saindo apressado com passos curtinhos, supliquei ao meu amigo que apanhasse minha mala no bagageiro do ônibus e a levasse ao sanitário do aeroporto para que eu pudesse trocar de roupas. Corri ao banheiro e entrando de boxe em boxe, constatei falta de papel higiênico em todos os cinco.

Olhei para cima e blasfemei: 'Agora chega, né?'

Entrei no último, sem papel mesmo, e tirei a roupa toda para analisar minha situação (que concluí como sendo o fundo do poço) e esperar pela minha salvação, com roupas limpinhas e cheirosinhas e com ela uma lufada de dignidade no meu dia.

Meu amigo entrou no banheiro com pressa, tinha feito o 'check-in' e ia correndo tentar segurar o vôo. Jogou por cima do boxe o cartão de embarque e uma maleta de mão e saiu antes de qualquer protesto de minha parte. 'Ele tinha despachado a mala com roupas'.

Na mala de mão só tinha um pulôver de gola 'V'.

A temperatura em Miami era de aproximadamente 35 graus.

Desesperado comecei a analisar quais de minhas roupas seriam, de algum modo, aproveitáveis.. Minha cueca, joguei no lixo. A camisa era história.
As calças estavam deploráveis e assim como minhas meias, mudaram de cor tingidas pela merda . Meus sapatos estavam nota 3, numa escala de1 a 10.
Teria que improvisar. A invenção é mãe da necessidade, então transformei uma simples privada em uma magnífica máquina de lavar. Virei a calça do lado avesso, segurei-a pela barra, e
mergulhei a parte atingida na água. Comecei a dar descarga até que o grosso da merda se desprendeu. Estava pronto para embarcar.

Saí do banheiro e atravessei o aeroporto em direção ao portão de embarque trajando sapatos sem meias, as calças do lado avesso e molhadas da cintura ao joelho (não exatamente limpas) e o pulôver gola 'V', sem camisa. Mas caminhava com a dignidade de um lorde.

Embarquei no avião, onde todos os passageiros estavam esperando o 'RAPAZ QUE ESTAVA NO BANHEIRO' e atravessei todo o corredor até o meu assento, ao lado do meu amigo que sorria.

A aeromoça aproximou-se e perguntou se precisava de algo.

Eu cheguei a pensar em pedir 120 toalhinhas perfumadas para disfarçar o cheiro de fossa transbordante e uma gilete para cortar os pulsos, mas decidi não pedir:

'Nada, obrigado.'

Eu só queria esquecer este dia de merda. Um dia de merda..."

* Luis Fernando Veríssimo* (verídico)                                          

El Secreto mejor guardado,La Cura del Cancer,es barata y sencilla,come y...



A acidez e falta de oxigénio provoca doença.
A acalinidade dá saúde, oxigena as células e elimina os radicais livres.

Beber 2 a 3L de água alcalina por dia.
1L por cada 30kg de peso...

People come into your life for a reason



...for a REASON, for a SEASON, or for a LIFETIME...

domingo, 10 de junho de 2012

music is



Maravilhada!!!!!
Um presente do Babu para a Kalú!

ALMA XAMÃ



OKÊ, Meu Grande Espírito Pena Branca!!!!!

...destinados...




Hay alguien especial para cada uno de nosotros. 
A menudo, nos están destinados dos, tres y hasta cuatro seres. 
Pertenecen a distintas generaciones y viajan a través de los mares, del tiempo y de las inmensidades celestiales para encontrarse de nuevo con nosotros. 
Proceden del otro lado, del cielo. 
Su aspecto es diferente, pero nuestro corazón los reconoce, porque los ha amado en los desiertos de Egipto iluminados por la luna y en las antiguas llanuras de Mongolia. 
Con ellos hemos cabalgado en remotos ejércitos de guerreros y convivido en las cuevas cubiertas de arena de la Antigüedad. 
Estamos unidos a ellos por los vínculos de la eternidad y nunca nos abandonarán.

BRIAN WEISS


Gracias, Mi Peregrinus Gris!!!

A nuestro verdadero encuentro...




Desde que venimos al mundo ya nuestras vidas están entretejidas por hilos invisibles de afinidad... Como saberlo? 
Lo sabremos en el momento justo de encuentro,cuando desarrollamos espiritualidad aprendemos a ser pacientes, perceptivos e intuitivos . 
Todo se alinea para que los eventos personas y circunstancias llegan en su momento justo, ni antes ni después, atraídos por empatía y afinidad. 
Las condiciones se gestan,no se pueden precipitar como lo he vivido y visto en la gran mayoría de las gente con sus fracasos en sus relaciones y situaciones por insistir con la persona no indicada o querer cosas que no corresponden que no sean necesarias para nuestro crecimiento espiritual. 
Como saberlo? me preguntarás? 
Pedimos discernimiento a Dios todos los días del mundo y nos preparamos para ser merecedores de esa persona, o situaciones de vida material, así como se prepara la tierra para ser arada y  sembrada , así nosotros hemos de ser preparados para estar listos y cumplir nuestra misión de vida ya sea en pareja o solos. 
La frase popular de nuestro refranero popular tiene sabiduría 
" La pedrada que esta para el perro ni aunque se meta al cafetal" 

Um Regalo de Edwin Ureña
Mi Peregrino Gris

sábado, 9 de junho de 2012

Cannes Man



Cannes Man
1996

Directed by Richard Martini

Johnny Depp (actuando como ele mesmo)


É um filme sobre o festival de Cannes.
Isso quando negócios foram feitos, produtores foram escolhidos, e estrelas foram pagas.
Quando toda a indústria do cinema reuniu-se para comprar e vender todos os filmes do planeta.
E é onde a arte do acordo pode ser mais repleta de risadas do que o acordo por ele mesmo.
Sy Lerner é o mais complexo produtor de filmes, quando ele faz uma aposta em que ele pegaria qualquer jovem na rua e o transformaria numa estrela por uma noite usando a linguagem universal do festival: Uma linguagem exagerada, em que a verdade é sempre aumentada.
Ele conhece Frank Rhinoslavsky e o transforma em Frank Rhino, um dos roteiristas mais quentes para chegar a Cannes, desde Faulkner e Hemingway.
Isso não por muito tempo antes de celebridades e produtores estarem curiosos e em fila para conhecer essa nova estrela do momento. Dennis Hopper, Treat Williams, John Malkovich e Johnny Depp (actuando como eles mesmos), todos querem conhecer o próximo Quentin Tarantino.

sexta-feira, 8 de junho de 2012

FEITIÇO......





DESLIZE TUAS MÃOS SOBRE MINHA PELE NUA
SINTA
PERCEBA TODO O CALOR QUE EMANA
É FOGO
É ERUPÇÃO
SINTA.....
PERCEBA....
MINHA PELE TRANSPIRA
INSPIRA PAIXÃO
SEDUÇÃO
ESQUEÇA DE TODOS OS PUDORES
VENHA
FAÇA DE MIM O QUE QUISER
SINTA
PERCEBA
O PULSAR DE TODO O MEU CORPO
SINTA O MEU DESEJO
MEU TESÃO
SINTA TUDO O QUE SINTO POR TI
VENHA
VENHA....... PORQUE QUERO LHE GUIAR SOB MIM
LHE TOCAR
LHE SENTIR
SENTIR TEU CORPO JUNTO AO MEU
COLADO
SUADO
TRÊMULO
"ENFEITIÇADO"
ENLOUQUECIDO
ATREVIDO
TODO DESPUDORADO
TODO ASSANHADO
TODO ERIÇADO

SINTA
PERCEBA
PERCEBA QUE MEUS OLHOS PROCURAM OS TEUS
SINTA QUE MEU CORPO DESEJA O TEU
VENHA.... QUERO LHE DEIXAR HIPNOTIZADO
LHE DEIXAR COM O CORAÇÃO DESCOMPASSADO
QUERO LHE SENTIR IR E VINDO DENTRO DE MIM
ENTRANDO E SAINDO DENTRO DE MIM
QUERO SENTIR TODO O TEU PULSAR
PULSAR LATENTE
JORRAR ESTRIDENTE DENTRO DO MEU VENTRE
VENHA POIS QUERO SENTIR TEUS DESEJOS MAIS CÁLIDOS
VENHA
SINTA-ME
PERCEBA-ME
BEBA-ME
SORVA-ME
AGARRE-ME PELOS CABELOS
SUSSURRE EM MEUS OUVIDOS
OUÇA MEUS GEMIDOS
MEUS SUSPIROS
MEUS DELÍRIOS


VENHA..... E MARQUE MEU CORPO COM TODOS OS TEUS BEIJOS
SEDUZA-ME
ENVOLVA-ME
PROVOQUE-ME
ATIÇA-ME
ERIÇA-ME
INUNDE MINHA BOCA COM TEU GOSTO
COM O SAL DO SEU CORPO
VENHA
POIS QUERO MERGULHAR EM TEUS ENCANTOS
ME ENVOLVER EM TEU "FEITIÇO"
E NUNCA MAIS ACORDAR DESSA MAGIA !!!

Medidas de Amor



O amor não se mede
apenas o sentimos
O amor não se mede
apenas se ama
O amor é vasto,
é grande
De uma alma à outra
O amor é plenitude,
é sinceridade
é cumplicidade,
são dois em um
O Amor é sublime,
é leve
a soma de duas liberdades
O amor é profundo,
é intenso
é forma de vida,
é vida em perfeita harmonia
O amor não tem medidas
Nem motivo,
mas tem nexo
O amor...
Ah! O amor...
não necessita explicações longas
Com ele tudo se faz perfeito,
tudo se completa
É alma e corpo,
é espírito e carne
É emoção no coração,
é suor na pele
O amor é junção de tudo
o que se faz belo
com ele tudo se torna simples
O amor torna qualquer momento singelo
O olhar,
o abraço,
o beijo,
o sexo
É fogo,
é calmaria
É sintonia de almas
Não tem explicação,
mas tem nexo
Ao mesmo tempo é simples
é complexo
Sendo simples,
sendo complexo
O Amor é o que nos faz completos!

Helena Lopez

Laços da alma!



"Afinidade é um dos poucos sentimentos que resistem ao tempo e ao depois.
A afinidade não é o mais brilhante, mas o mais sutil, delicado e penetrante dos sentimentos.
É o mais independente também.
Não importa o tempo, a ausência, os adiamentos, as distâncias, as impossibilidades.
Afinidade é ficar longe pensando parecido a respeito dos mesmos fatos que impressionam, comovem ou mobilizam.
É receber o que vem do outro com aceitação anterior ao entendimento.
Não é sentir a favor... nem sentir contra...
Nem sentir para... Nem sentir por....
Nem sentir pelo.
Afinidade é sentir com.
Sentir com é não ter necessidade de explicar o que está sentindo.
É olhar e perceber.
É mais calar do que falar.
Afinidade é ter perdas semelhantes e iguais esperanças.
É conversar no silêncio, tanto nas possibilidades exercidas quanto das impossibilidades vividas. Afinidade é retomar a relação no ponto em que parou, sem lamentar o tempo de separação. Porque tempo e separação nunca existiram."

Autor desconhecido

Tentaram fazer-me acreditar



"Tentaram me fazer acreditar que o amor não existe e que sonhos estão fora de moda. 
Cavaram um buraco bem fundo e tentaram enterrar todos os meus desejos, um a um, como fizeram com os deles. 
Mas como menina-teimosa que sou, ainda insisto em desentortar os caminhos. 
Em construir castelos sem pensar nos ventos. 
Em buscar verdades enquanto elas tentam fugir de mim. 
A manter meu buquê de sorrisos no rosto, sem perder a vontade de antes. 
Porque aprendi, que a vida, apesar de bruta, é meio mágica. 
Dá sempre para tirar um coelho da cartola. 
E lá vou eu, nas minhas tentativas, às vezes meio cegas, às vezes meio burras, tentar acertar os passos. 
Sem me preocupar se a próxima etapa será o tombo ou o vôo. 
Eu sei que vou. Insisto na caminhada. 
O que não dá é para ficar parado. 
Se amanhã o que eu sonhei não for bem aquilo, eu tiro um arco-íris da cartola. 
E refaço. Colo. Pinto e bordo. 
Porque a força de dentro é maior. 
Maior que todo mal que existe no mundo. 
Maior que todos os ventos contrários. 
É maior porque é do bem. 
E nisso, sim, acredito até o fim"

Caio F. de Abreu

Ser sensível




"Ser sensível nesse mundo requer muita coragem.
Muita. Todo dia.
Esse jeito de ouvir além dos olhos, de ver além dos ouvidos,
de sentir a textura do sentimento alheio tão clara no próprio coração
e tantas vezes até doer ou sorrir junto com toda sinceridade.
Essa sensação, de vez em quando, de ser estrangeiro e não saber falar o idioma local,
de ser meio ET, uma espécie de sobrevivente de uma civilização extinta.
Essa intensidade toda em tempo de ternura minguada.
Esse amor tão vivido em terra em que a maioria
parece se assustar mais com o afecto do que com a indelicadeza.
Esse cuidado espontâneo com os outros.
Essa vontade tão pura de que ninguém sofra por nada.
Esse melindre de ferir por saber, com nitidez, como dói se sentir ferido.
Ser sensível nesse mundo requer muita coragem. Muita. Todo dia.
Essa saudade, que faz a alma marejar,
de um lugar que não se sabe onde é, mas que existe, é claro que existe.
Essa possibilidade de se experimentar a dor, quando a dor chega,
com a mesma verdade com que se experimenta a alegria.
Essa incapacidade de não se admirar com o encanto grandioso
que também mora na subtileza.
Essa vontade de espalhar buquês de sorrisos por aí,
porque os sensíveis, por mais que chorem de vez em quando,
não deixam adormecer a ideia de um mundo que possa acordar sorrindo.
Para toda gente. Para todo ser. Para toda vida.
Eu até já tentei ser diferente, por medo de doer,
mas não tem jeito: só consigo ser igual a mim." 



Ana Jácomo 

só a mim posso pedir que me dê tudo




É de mim e só de mim que não posso e que não quero: desistir. 

Tudo o resto é perene e passageiro. 
Só eu perduro, numa essência que me é própria e sobrevive a qualquer estrago da matéria. 
É de mim, e só de mim, que não posso prescindir. 
Só a mim, e a mais ninguém, que concedo o privilégio de ocupar todo o meu centro e daí, benignamente, irradiar para o mundo inteiro. 
Ou então sombriamente, porque em mim também há sombra, a escurecer rente ao luar, mas sem me tornar minguante.

Em mim estão a que chega e a que parte, a que agarra e a que liberta, a que expande e a que retrai, a que cria e a que destrói, a que acorda e a que adormece, e sou sempre eu que me convoco a cada instante, na frequência que escolher: mais para baixo ou mais para cima na espiral do infinito, onde o fundo é lá no fundo e o céu muito acima deste seu cume visível.

Só eu escolho a quem me entrego, onde me enrolo, com quem me dou, quando é que rio, como é que choro, porque me engano, que trilho sigo. E nem sempre isso quis dizer que me entrego a quem me acolhe, que me enrolo onde é macio, que me dou com quem devolve, que me rio quando há motivo... Às vezes choro e esqueço tudo, até que os olhos são os meus e que só molham o que eu escolho que me magoe. 
Quando me engano, só me engano se insistir que o erro é mau e que não tenho esse direito e surgir culpa. e quando o trilho desemboca num abismo, fui sempre eu que escolhi a visão sobre as vertigens, em vez da orla no meu corpo de

                                                                          mulher

É de mim que me demito, quando cedo ao que é alheio, a mim que traio quando pactuo com uma mentira, só de mim pode vir esse consolo de sentir que sou inteira, só em mim posso encontrar o que procuro e que, afinal, não é nada que não seja desde sempre a minha essência. 
Sou eu que vibro, é em mim que pulsa a vida, foi minha a escolha de me ter dado este nome e a forma humana do amor: carne e sangue que só doem quando há medo. 

é a mim, e só a mim, que devo tanto,  
só a mim posso pedir que me dê tudo.



Inês de Barros Baptista

quinta-feira, 7 de junho de 2012

Cancro

Add caption

Figado






Dá algum trabalho, já que tem de se meter de molho na noite anterior. De manhã joga-se a água fora e põe-se num copo liqueficador com 020 de agua do Luso (por ex.) mistura-se 4 minutos... coa-se e bebe-se em jejum... limpa o figado, pancreas, baixa o colesterol e a tensão arterial...

‎5 colheres de sopa
Fica uma água leitosa parecida com o leite de soja

Dormir no es cosa fácil




“Dormir no es cosa fácil. 
Para dormir se precisa haber pasado bien despierto el día entero. 
Diez veces al día deberás vencerte a ti mismo: 
eso te hará llegar a la noche fatigado, y esa buena fatiga será el mejor opio para el alma. 
Diez veces deberás reconciliarte contigo mismo; 
pues la superación es amarga, 
y quien no se haya reconciliado dormirá mal.”

Nietzsche